domingo, 3 de fevereiro de 2008

Ampulheta de sonhos

E é assim
com um buraquinho n'alma
por onde passa o tempo
uma ampulheta de sonhos
espalha planos-fetos
dentro de mim...
Asta Vonzodas

4 comentários:

maria fro disse...

Oi Asta querida, achou o caminho!
Bem-vinda à nossa casa
beijos
Frô

al-chaer disse...

ASTíssimA, muito querida!!!

ALs beijos

poetas_lusófonos disse...

Asta, um beijão, saudades, contente em vê-la aqui. Osvaldo.

Anderson disse...

Enfim um espaço onde posso lê-la.
Saudades imensas.

Anderson